Diretor do ICE envia memorando a agentes informando quais imigrantes são prioridade para deportação

O diretor do U.S. Immigration and Customs Enforcement (ICE), Tae Johnson, enviou um memorando a todos os funcionários da agência federal, no último dia 18, informando quais imigrantes são prioridade para deportação.

Segundo Johnson, a prioridade é deportar pessoas que ameaçam a segurança nacional, a segurança pública, criminosos e recém-chegados à fronteira. O memorando especifica terroristas, membros de gangues e de organizações criminosas como ameaças à segurança nacional.

Os criminosos sujeitos à deportação são aqueles que cometeram crimes aggravated felonies, como estupro, assassinato, lavagem de dinheiro, mas também inclui fraudes no impostos de renda e pessoas que não comparecerem à Corte para audiências.

O diretor ressalta que a prioridade do governo é proteger famílias e trabalhadores. O memorando pede que os agentes verifiquem todo o histórico dos alvos das operações, antes de prender o imigrante.

Veja aqui o memorando.

A advogada Renata Castro, fundadora do Castro Legal Group, afirma que é preciso ter cautela. “Esse memorando é importante, mas não significa que o ICE vai parar de prender e deportar imigrantes, isso não é verdade. O governo Biden está avançando no que diz respeito à caça às bruxas do governo anterior, mas ainda há muito a ser feito”, afirma Renata.

Representamos causas imigratórias em todos os Estados Unidos.

Whatsapp: +1-954-204-0393

www.castrolegalgroup.com

youtube.com/conexaoimigracaousa

Instagram: @immigratetotheusa

Subscribe to our Newsletter.