Emissão de green cards nos EUA volta aos níveis pré-pandemia

O número de imigrantes que receberam green cards e se tornaram residentes permanentes legais nos Estados Unidos voltou aos níveis pré-pandemia, de acordo com uma análise feita pelo Pew Research Center a partir de dados do governo americano.

De acordo com a análise, divulgada na última segunda-feira (4), cerca de 280 mil pessoas foram contempladas com o benefício, que teve uma queda considerável durante a pandemia de Covid-19. O número de green cards para imigrantes que já estavam nos EUA superou o nível pré-pandemia. Já os emitidos para recém-chegados cresceu, mas não atingiu os números anteriores.

O levantamento indica que as emissões foram maiores do que em qualquer trimestre desde abril-junho de 2017 e superior à média trimestral para o período de outubro de 2015 a março de 2020. Durante a pandemia, as novas emissões de green card caíram para um mínimo trimestral de 79 mil.

Os dados do último trimestre do ano fiscal de 2021, a entrada de turistas, estudantes e visitantes de negócios também aumentou, mas ainda está em um nível bem abaixo da média pré-pandemia, atingindo apenas 22% do número registrado desde o final de 2015.

Recentemente, o governo dos Estados Unidos divulgou uma série de políticas para atrair profissionais das áreas de STEM (especialistas em ciência, tecnologia, engenharia e matemática) e empresários dentro do programa EB-2/NIW. Segundo a advogada de imigração e fundadora do Castro Legal Group, Renata Castro, o programa se tornou “cada vez mais atraente” para profissionais que tem algo a contribuir para a sociedade americana, independente de capital de investimento, parentesco ou país de cidadania.

Castro acrescenta a importância de lembrar que ciclos políticos tem grande impacto nos processos imigratórios: “Os interessados devem levar em conta que o governo Biden será colocado a prova em dois anos durante uma reeleição e que, quem deseja viver nos EUA deve agir rapidamente para aproveitar a oportunidade presente. O sonho americano poderá se realizar de forma mais rápida para estes candidatos”.

Devido à pandemia, três quartos dos consulados dos EUA em todo o mundo, que emitem vistos, permaneceram fechados até junho de 2021. Os Serviços de Cidadania e Imigração dos EUA suspenderam entrevistas pessoais e outros serviços durante o auge da pandemia.

Representamos causas imigratórias em todo os Estados Unidos e oferecemos triagem inicial gratuita do seu caso.

– Whatsapp
– Youtube
– Instagram

Subscribe to our Newsletter.