Estados Unidos precisam de profissionais na área de tecnologia, diz estudo

Os Estados Unidos não têm trabalhadores suficientes para suprir a demanda interna no setor de tecnologia. É o que aponta um estudo da New American Economy, organização fundada por Mike Bloomberg, que realiza pesquisas no setor de trabalho e economia.

Para cada profissional em busca de trabalho no setor de Ciência, Tecnologia, Engenharia e Matemática (STEM, na sigla em inglês) em 2020, existiam pelo menos sete vagas disponíveis.

Na opinião da advogada Renata Castro, fundadora do Castro Legal Group, essa é uma excelente notícia para os brasileiros da área de tecnologia que buscam um green card por trabalho nos EUA. “Isso pode ser um grande atrativo para profissionais da área de T.I, que buscam fazer o EB-2 National Interest Waiver”, afirma a advogada.

O estudo foi divulgado em meio ao recorde da abertura de postos de trabalhos depois de meses de crescente desemprego em função da pandemia.

A pesquisa mostra que foram disponibilizadas no ano passado mais de 1.3 milhão de vagas no setor de tecnologia nos Estados Unidos. Apenas 177 mil profissionais da área estavam desempregados em 2020 por razões diversas.

O estudo usou informações de aplicações para obtenção de Labor Certification junto ao US Department of Labor, dados sobre o desemprego do Bureau of Labor Statistics e vagas em aberto no site Burning Glass Technologies.

O levantamento aponta, ainda, que sete dos dez postos de trabalho em que os estrangeiros são empregados estão na área de tecnologia. As outras três estão no setor de turismo, finanças e negócios.

Confira aqui o estudo.

Quer saber mais informações sobre o EB-2 National Interest Waiver? Acesse o canal Conexão Imigração USA e assista uma série de vídeos sobre o assunto.

Representamos causas imigratórias em todos os Estados Unidos.

Whatsapp: +1-954-204-0393

www.castrolegalgroup.com

youtube.com/conexaoimigracaousa

Tags: ,

Subscribe to our Newsletter.