Imigração anuncia medidas para melhorar a qualidade dos serviços prestados

O U.S. Citizenship and Immigration Services (USCIS) anunciou esta semana mudanças em suas políticas com objetivo de melhorar os serviços prestados aos imigrantes.

Entre as medidas anunciadas, estão aumento de um para dois anos da validade da autorização de trabalho (EAD) para solicitantes em processos de ajustes de status. Segundo o USCIS, o objetivo é ‘desafogar’ a imigração dos inúmeros pedidos de renovação da autorização de trabalho devido aos atrasos causados pela pandemia.

Nos casos de pedidos de evidência (RFE, na sigla em inglês) e intenção de negar (NOID, na sigla em inglês), os imigrantes terão mais chances de enviar documentos e corrigir pequenos erros cometidos ao preencher a aplicação. Os casos não serão negados sumariamente, sem o envio de RFE’s e NOID’s, como previsto por Trump em 2018.

Em memorando emitido em 2018, o ex-presidente Trump autorizava que agentes negassem casos imigratórios com pequenos erros sem o envio de notificação ao solicitante. Isso não será mais aplicado.

Outra medida anunciada, será mais clareza de quando os processos poderão ser acelerados, em quais casos, o imigrante poderá solicitar o expedited processing.

“Estamos agindo para eliminar as medidas que falharam em proporcionar acesso ao sistema de imigração legal, vamos continuar com as melhorias no sentido de ajudar as pessoas a segurem o caminho da cidadania, e modernizar nosso sistema imigratório”, disse o secretário de Homeland Security, Alejandro Mayorkas, em nota divulgada à imprensa.

Veja o documento na íntegra neste link.

Representamos causas imigratórias em todos os Estados Unidos.

Whatsapp: +1-954-204-0393

www.castrolegalgroup.com

youtube.com/conexaoimigracaousa

Subscribe to our Newsletter.