Pelo menos 50 mil jovens deram entrada no DACA depois da reabertura do programa; maioria ainda aguarda resposta

Cerca de 50 mil jovens deram entrada no Deferred Action for Childhood Arrivals (DACA) depois que o programa foi reaberto para novas inscrições em dezembro. Mas desse total, somente 800 imigrantes – ou 1.5% – tiveram o processo aprovado até o momento.

Até o dia 31 de março, de acordo com dados do U.S. Citizenship and Immigration Services (USCIS), mais de 55 mil processos de DACA ainda estavam pendentes.

Em nota, o USCIS disse estar ciente dos atrasos no processamento de pedidos de DACA e que esse atraso foi causado pela pandemia do coronavírus, além do aumento do número de solicitações. O USCIS ressaltou que está trabalhando em horários extras para dar conta do aumento da demanda.

Segundo a advogada Renata Castro, fundadora do Castro Legal Group, é importante estar atento aos requisitos do programa. “Jovens indocumentados que entraram nos EUA há pouco tempo não têm direito ao DACA. O programa beneficia crianças que foram trazidas para os EUA e que entraram com menos de 16 anos e tenham entrado antes de 15 de junho de 2007 e permaneceram nos EUA”, explica.

O DACA foi criado em 2012 por Barack Obama para proteger da deportação quem chegou aos Estados Unidos com menos de 16 anos. O programa, que hoje beneficia mais de 700 mil jovens, dá autorização temporária de trabalho para esses imigrantes, desde que eles cumpram uma série de requisitos. (Foto: Flickr)

Representamos causas imigratórias em todos os Estados Unidos.

WhatsApp: +1-954-204-0393

www.castrolegalgroup.com

youtube.com/conexaoimigracaousa

Subscribe to our Newsletter.