Governo Biden processa Texas por barreira flutuante no Rio Grande

107275561-1690209335430-gettyimages-1554434835-dji_fly_20230709_033212_489_1688892210280_photo_yaqhoq59

O governo dos Estados Unidos iniciou um processo contra o estado do Texas, nesta segunda-feira (24), pela instalação de barreiras flutuantes para impedir a entrada de imigrantes no Rio Grande, fronteira EUA-México.

As autoridades federais argumentaram que as barreiras no rio desrespeitam a lei federal e apresentam “preocupações humanitárias”: “As ações do Estado do Texas também apresentam sérios riscos à segurança pública e ao meio ambiente, e interferem na habilidade do governo federal cumprir seu papel”.

Na oficialização do processo apresentado em um tribunal de Austin, o Departamento de Justiça argumentou que as autoridades estaduais deveriam obter permissão federal para colocar as barreiras em vigor. Sendo assim, considera que o Texas violou leis federais.

As barreiras foram anunciadas pelo governador republicano Greg Abbott, no início de junho e cobrem cerca de 305 metros do rio. As bóias são conectadas com correias e ancoradas no fundo.

O governo Biden já havia alertado as autoridades do Texas de que uma batalha legal poderia ser evitada.

Em resposta, Abbott culpou o presidente Joe Biden por um “nível recorde de imigração ilegal” que tornou a barreira necessária e disse que “o Texas o verá no tribunal”.

Agende sua TRIAGEM GRATUITA clicando aqui.

Representamos causas imigratórias em todos os Estados Unidos!

→ Youtube: Conexão Imigração USA

→ Instagram: @ImmigrateToTheUSA

→ WhatsApp: +1-954-204-0393

 

Facebook
Pinterest
LinkedIn
Twitter
Email

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.